Via de Mão Dupla (microconto)

Sou outro, enfim! Na verdade, não efetivamente outro, apenas diferente. Sinto isso. Estou mais feliz. Recarregado pela esperança surgida nos que são capazes de se transformar. Como motor novo posto em lataria velha. Uma retífica na alma. Mudei. Por dentro. Por ti. Pra ti. Só lamento você ainda não ter mudado o suficiente para conseguir perceber tudo isso.

Published in: on outubro 23, 2008 at 1:05 pm  Comments (7)  
Tags: , , ,